ADITIVOS (A)

Aceleradores
Plastificantes
Incorporadores de Ar
Impermeabilizante/Acelerador de pega
Expansores
Argamassas e Cimentos Especiais

REVESTIMENTOS (B)

Tintas
Vernizes
Primer
Epoxy Impermeabilizante
Esmaltes
Elastômero para Impermeabilização
Emulsão Asfáltica
Hidrofugantes

TRATAMENTOS (C)

Desmoldantes para Formas
Endurecedores para Concretos
Agentes de Cura
Removedores
Passivadores

CALAFETADORES (D)

Massa Plástica
Elastômeros
Mastiques

ADESIVOS (E)

Epoxy
Poliéster
PVA
Acrílico
Asfalto
Estireno Butadieno/Acrílico
Agregados
Produtos para Injeções

PISOS (F)

Primer
Poliuterano
Cimentos Especiais
Agregados
Emulsão Asfáltica / Resina Acrílica

IMUNIZANTES (G)

Fungicidas

DIVERSOS (H)

Isolante Térmico
Cimentos Refratários
Fungenband - Veda Juntas

DUROPRENE ADESIVO (D2A)

CARACTERÍSTICAS

Cola contato a base de borracha de policloropreno para a colagem de vários tipos de materiais entre si (ex: madeira/madeira; couro/couro) ou combinados (ex: madeira/couro). Apresenta excelente desempenho na aplicação em laminado decorativo.

BASES MAIS INDICADAS

Aglomerado; MDF (Médium Density Fiberboard); Compensado; Chapas metálicas; Chapas de cimento-amianto; Painel de gesso acartonado; Paredes e pisos com argamassa especial (cimento/areia - 1:3); Couro, espuma, carpete; Laminas metálicas; Papeis decorativos; Laminas de madeira; Tecidos vinílicos para parede; Madeira maciça; Cerâmica.

CARACTERÍSTICAS

Aparência: Liquido opaco de média viscosidade, na cor bege leitoso.
Teor de sólidos: 19 a 21%
Viscosidade Brookfield: 2900 a 3400 cps
Densidade: 0,855 a 0,880 g/cm³
Composição: Borracha de policloropreno, resinas sintéticas, solventes aromáticos e alifáticos.
Tempo de secagem: 15 a 30 minutos, variando de acordo com as condições de temperatura, umidade relativa do ar e circulação do ar no ambiente.

FATORES IMPORTANTES PARA UMA BOA COLAGEM

1) Se necessário, lixar bem as superfícies para um perfeito nivelamento e melhor penetração da cola;
2) Eliminar as impurezas (poeira, óleos, ceras ou tintas) das peças, antes da aplicação da cola;
3) Abrir somente as embalagens que serão utilizadas e fechá-las logo em seguida;
4) Agitar a cola antes de usar;
5) Aplicar a cola sempre nas duas superfícies a serem coladas, com uma espátula dentada, pincel de cerdas duras.
6) Esperar o tempo necessário e suficiente (15 a 30 minutos) para a secagem adequada das camadas em ambas as superfícies, considerando a temperatura, a umidade relativa do ar e a ventilação do ambiente;
7) Unir as peças somente após a secagem da cola nas duas superfícies, certificando-se através do teste do tato. Após aproximadamente 30 minutos da aplicação da cola, verificar com as pontas dos dedos se há aderência; os dedos não devem ficar com resíduos da cola;
8) Aplicar pressão uniformemente, iniciando do centro da peca para as bordas, com o rolete de pressão ou sarrafo de madeira com a ponta arredondada e revestida com um tecido macio, para eliminar eventuais bolhas de ar;
9) As temperaturas extremas alteram o comportamento de colagem. Se o ambiente estiver com temperatura abaixo de 18 ⁰C, o tempo de secagem será mais longo. Temperaturas de bom desempenho estão entre 24 e 28 ⁰C e umidade relativa do ar de 30 a 60%. Se possível, controlar esses valores com o termo-hidrômetro;
10) Não testar a resistência da colagem antes de 48 horas após a pressão;
11) O tempo de cura total é de 7 dias;
12) Não acelerar a cura da cola utilizando ventiladores ou aquecedores, pois esta operacão poderá causar eventuais bolhas na aplicação.

DEFEITOS COMUNS E SUAS CAUSAS

Bolhas de ar retidas entre as duas peças, geralmente, são causadas por:

  • Espalhamento irregular;
  • Quantidade de cola insuficiente;
  • Tempo de secagem excessivamente longo.

Falhas e áreas não coladas poderão ser causadas por:

  • Espalhamento irregular;
  • Tempo de secagem insuficiente ou não efetuada do centro para as bordas.
  • Tempo de secagem muito longo;
  • Pressão imprópria ou insuficiente;
  • Aplicação da cola em uma só superfície;
  • Uso da cola fora das especificações recomendadas;
  • Quantidade insuficiente de cola.

CUIDADOS

Equipamentos de proteção individual

Proteção respiratória: máscara com filtro para vapores orgânicos;
Proteção das mãos: luvas de PVC;
Proteção dos olhos: óculos de segurança ou protetor facial.

ATENÇÃO

Produto inflamável e tóxico. Perigoso quando ingerido.
Conservar a embalagem hermeticamente fechada. Em caso de irritação, procurar orientação médica.
O ambiente de trabalho deve ser ventilado.

RENDIMENTO DA COLA

Como toda cola de contato, exige-se a aplicação em ambas as superfícies dos materiais a serem colados. O rendimento dependerá das superfícies e do tipo de aplicação. Ex.: na aplicação com espátula dentada, sobre aglomerado ou madeira, o rendimento é de 270 a 400 g/m², incluindo as duas superfícies.

ARMAZENAGEM

A cola de contato Duroprene Adesivo deve ser armazenada em local seco, em temperatura amena, nas embalagens originais hermeticamente fechadas.

EMBALAGEM

Galão - 3,6 litros com 2,8 kg
Lata - 18 litros com 14 kg